menu

Brasil

08/06/2016


Ministro do Trabalho é alvo de protesto na ONU

 ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, foi alvo de protestos nesta quarta-feira, 8, durante participação na Organização Internacional do Trabalho (OIT), na sede das Nações Unidas em Genebra, Suíça.

Com mensagens escritas em inglês e francês, os representantes da CUT e de sindicais estrangeiras denunciaram o golpe no País e se colocaram de pé diante de centenas de delegados estrangeiros. Houve gritos de "Golpe no Brasil" e "Esse ministro não é legítimo", o que fez com que Ronaldo Nogueira interrompesse seu discurso.

Ao retomar seu discurso, o ministro destacou que a OIT era uma prioridade para o Brasil. "No Brasil temos nossa democracia consolidada. Ninguém está acima da lei", disse. Nogueira tentou dar garantias de que os direitos trabalhistas não seriam revogados. A delegação brasileira ainda contava com oito deputados, membros do Tribunal Superior do Trabalho e outros sindicatos.

Essa foi a primeira vez que um ministro do governo de Michel Temer foi alvo de protestos no exterior, em uma reunião oficial e durante um discurso. O chanceler José Serra já havia sido alvo de protestos em Buenos Aires, mas fora da embaixada.

Brasil 247 

Notícias relacionadas