menu

Brasil

14/03/2014


Morre ator Paulo Goulart aos 81 anos, vítima de câncer renal

Geral

Morreu hoje (13), na capital paulista, aos 81 anos, em decorrência de um câncer renal avançado, o ator Paulo Afonso Miessa, conhecido como Paulo Goulart. Ele estava internado no Hospital São José, no bairro Bela Vista, na região central de São Paulo.

Goulart nasceu em Ribeirão Preto (SP), em 9 de janeiro de 1933, na Fazenda Santa Tereza. Ele estudou química industrial, mas, após se formar, tornou-se ator de radionovela. Casou-se em 1954 com a atriz Nicette Bruno, com quem teve três filhos. Seu primeiro trabalho em televisão foi com Amácio Mazzaropi, no papel de Boca Mole. Trabalhou na TV Continental, TV Tupi, TV Rio e TV Excelsior.

A partir da década de 1990 concentrou seus trabalhos na TV Globo, onde fez novelas e minisséries como Mulheres de Areia, Plumas e Paetês, Zazá, O Auto da Compadecida, A Padroeira, Esperança, O Quinto dos Infernos, América e Pé na Jaca.

No teatro, atuou, entre outras, na peça Lá, que esteve em cartaz durante quatro anos e meio. Em cinema, participou de dois filmes de temática espírita, em 2010: Chico Xavier e Nosso Lar;. e em 2013 fez O Tempo e o Vento, que depois foi transformado em minissérie da TV Globo.

Na área empresarial, era sócio da empresa Miessa e Filhos, que administra o Teatro Paiol, em São Paulo.

(Agência Brasil)

Notícias relacionadas