menu

Brasil

13/08/2014


MORRE EDUARDO CAMPOS EM ACIDENTE AÉREO EM SANTOS

T4RAGÉDIA

Jato Cesna, prefixo PR-AFA, cai na área urbana de Santos, no litoral paulista, por volta das 10h15; campanha do presidenciável Eduardo Campos já confirmava, às 12h30, que aparelho deveria trazer candidato à bordo; repórter da Rede Bandeirantes encontra material de campanha eleitoral de Campos entre os destroços; Marina Silva não estava na aeronave; candidato do PSB era esperado para compromisso a partir da Base Aérea do Guarujá; ele estava no Rio de Janeiro ontem, de onde o aparelho decolou; candidato a vice-governador, Marcio França, que esperava o presidenciável, afirmou ter feito último contato com ele às 9 horas da manhã; perícia isola e verifica área atingida por queda da aeronave; FAB informou que aeronave destruída fez o mesmo trajeto que estava estabelecido para o aparelho que carregava Campos; candidata a vice Marina Silva também poderia estar à bordo; às 12h27, não havia informações oficiais sobre nomes dos passageiros

A aeronave caiu em uma casa, ao lado de uma academia, na cidade litorânea. A aeronáutica confirmou que a aeronave era um jato particular, que saiu do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, e voava rumo ao Guarujá. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), cancelou a agenda na capital por conta do acidente e voou para Santos. A suspeita é de que a causa do acidente tenha sido o mau tempo. O candidato cumpriria agenda hoje no Guarujá.

Abaixo, a agenda do candidato previa os seguintes compromissos na região:

10h30 às 11h30 – Concede entrevista na Praia do Mercado e faz curta volta de catraia (centenário meio de transporte na região portuária)

12h às 14h – Participa do Santos Export – Fórum Internacional para a Expansão do Porto de Santos, no Hotel Sofitel Jequitimar, no Guarujá

Das 14h30 às 15h – Concede entrevista à TV Band Santos

O deputado federal Marcio França (PSB-SP) e sua equipe passam por momentos de tensão desde que souberam da queda de uma aeronave em Santos, no litoral paulista, na manhã desta quarta-feira, 13. No momento do acidente o candidato à Presidência pelo seu partido, Eduardo Campos, se deslocava para um evento no Guarujá, no jatinho da campanha.

França, que está no Guarujá à espera de Campos, diz ter visto o jatinho de Campos sobrevoar o local, mas a informação inicial é de que a aeronave do candidato teria arremetido e voltado em direção a Santos.

Segundo o corpo de bombeiros de Santos, foi um helicóptero que caiu, mas ninguém da equipe consegue contatar o assessor de Campos ou o próprio candidato desde as 9h30.

"Ele está há mais de uma hora sem contato", comentou França.

Até o momento não há informação sobre para onde se deslocou a aeronave de Campos. 

Notícias relacionadas