menu

Pernambuco

03/07/2017


Motoristas e cobradores de ônibus entram em greve no Recife

Motoristas e cobradores de ônibus do Recife entraram em greve à 0h de hoje (3). Não há prazo para retorno das atividades e os moradores da capital e da região metropolitana enfrentam dificuldades com a redução do número de ônibus em circulação.

Nas redes sociais, o Sindicato dos Rodoviários do Recife e Região Metropolitana diz que a greve foi aprovada em assembleia no dia 29 de junho. Segundo a entidade, a categoria parou “devido à falta de disposição da classe patronal em dialogar e buscar melhorias para os trabalhadores e trabalhadoras e todo o transporte público”.

Em vídeo publicado nas redes sociais, o sindicato destaca o pedido pela manutenção dos cobradores nos postos de trabalho e o reajuste salarial de 7%. Ainda de acordo com a entidade, o sindicato patronal chegou a oferecer 3,9% de reajuste nas reuniões, mas a proposta foi recusada pelos rodoviários. Os trabalhadores pedem também melhorias no plano de saúde e no auxílio-funeral.

O Consórcio Grande Recife, que administra o sistema de transportes da capital pernambucana, enviou notificação aos Sindicatos das Empresas de Transportes de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) e dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários Urbanos de Passageiros para que mantenham o funcionamento do Sistema de Transporte Público de Passageiros no dia de hoje.

A administradora destaca que a lei exige o funcionamento mínimo de 50% da frota nos horários de pico, das 5h às 9h, pela manhã, e das 16h às 20h. Nos demais horários, a exigência é que, durante períodos de greve, 30% da frota estejam operando “a fim de evitar transtornos e prejuízos à população”.

Agência Brasil

Notícias relacionadas