menu

Ceará

01/07/2015


Motoristas e cobradores decretam greve de ônibus em Fortaleza

Os motoristas e cobradores de ônibus de Fortaleza decretaram greve por unanimidade, na manhã desta quarta-feira, 1°, em assembleia da categoria. A paralisação terá início à zero hora da próxima terça-feira, 7, quando a cidade deverá amanhecer com os trabalhadores de braços cruzados.

O funcionamento de 30% da frota será cumprido, mas a categoria ainda discute como será a circulação dos ônibus da capital. O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário (Sintro-Ce) pede reajuste salarial de 13%, R$ 13 no vale-alimentação e R$ 130 na cesta básica. A proposta do Sindiônibus é de 8,34% apenas no salário.

Uma nova assembleia será realizada às 15h30min com os motoristas e cobradores do turno da tarde e noite. “Nossa intenção não é prejudicar os usuários do transporte público. Mas como negociações não avançam, saída é a greve geral”, informou o presidente do Sintro, Domingo Neto.

Durante o mês de junho, motoristas realizaram paralisações nos terminais do Siqueira, Papicu, Antônio Bezerra, Lagoa e Messejana em dias diferentes do mês de junho de ônibus da Cidade para chamar atenção do sindicato patronal com relação às reivindicações. Em uma das paralisações, houve discussão entre motoristas e passageiros. Já em outra, a população apoiou a categoria, apesar de esperar por duas horas até que atividades fossem normalizadas.

O Povo 

Notícias relacionadas