menu

Paraíba

21/08/2015


Na inauguração da Central de Polícia Civil, RC relembra permuta

O governador Ricardo Coutinho (PSB) fez a inauguração da nova Central de Polícia Civil, na manhã desta sexta-feira (21), em João Pessoa. Na oportunidade, o chefe do Poder Executivo enalteceu a importância do novo equipamento para a área de segurança pública, mas também aproveitou para, discretamente, relembrar a polêmica que envolveu a permuta do terreno que abriga o empreendimento e deixar um recado aos adversários.

“Eu queria dizer aos homens e mulheres que transitam pela política, que tem coisas que são boas para a população, e não podem ser objetos de uma profunda disputa onde o vale tudo prevalece, aqui está o exemplo de que as coisas bem feitas sobre o sentido e o sentimento da republicanidade e do interesse público podem ser, naturalmente, e extremamente positivas para a população”, disse o governador.

A solenidade foi acompanhada pela vice-governadora Lígia Feliciano (PDT), pelo presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB), deputados estaduais, vereadores e pelo empresário Roberto Santiago, que fez a permuta do terreno em troca da área que abrigava a antiga Academia de Polícia (Acadepol), que hoje funciona o Mangabeira Shopping, empreendimento do seu grupo empresarial.

No local, funcionará 13 delegacias especializadas: Homicídios, Repressão a Entorpecentes (DRE), Crimes contra o Patrimônio (Roubos e Furtos), Infância e Juventude, Repressão a Crimes contra a Infância e Juventude, Crimes contra o Meio Ambiente, Repressão a Crimes Homofóbicos, Atendimento ao Idoso, Defraudações e Falsificações, Ordem Econômica, Ordem Tributária, Roubos e Furtos de Veículos e Cargas. Uma nova Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) também vai funcionar no local, atendendo os bairros da zona Sul da cidade. Com a nova estrutura, João Pessoa passa a ter duas delegacias voltadas ao atendimento da mulher vítima de violência. 

WSCOM 

Notícias relacionadas