menu

Ceará

20/01/2017


No Ceará, chuvas atingem mais da metade do estado

Chuvas atingiram mais de 50% da região cearense na manhã desta sexta-feira (20), segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Foram registradas precipitações em 102 dos 184 municípios do estado até as 11 horas. A previsão para hoje é de chuva em todas as regiões, ao longo do dia.

A chamada pré-estação chuvosa ocorre no Ceará neste mês devido à influência de uma área onde os ventos nos níveis mais altos da atmosfera giram no sentido horário, fazendo com que o ar seco desses níveis mais altos desçam para a superfície. Denominado vórtice ciclônico de altos níveis, segundo a Funceme, o fenômeno está atuando sobre o estado e deve continuar provocando nebulosidade e chuvas até domingo.

Desde o início do mês, hoje é o dia mais chuvoso no estado. Os três municípios onde mais chove são Senador Sá, Pires Ferreira (os dois ficam a cerca de 290 quilômetros de Fortaleza) e Morrinhos (a 216 quilômetros da capital), com 94 milímetros (mm), 83 mm e 73 mm, respectivamente.

A pré-estação chuvosa anima a população e incentiva a agricultura. O agricultor Enoque Marques Pinto, 72, de Crateús, conta que já está preparando a terra para começar a plantar feijão e milho. “Choveu fino nos últimos dias, mas já melhorou muito. Se continuar a chover e a terra ficar mais molhada, vou começar a plantar. Espero boa safra.”

As chuvas da quadra invernosa, que vai de fevereiro a maio, são influenciadas principalmente pela Zona de Convergência Intertropical. De acordo com a Funceme, é possível observar a proximidade desse sistema meteorológico no Oceano Atlântico. O prognóstico do órgão aponta probabilidade de 40% de precipitações acima da média histórica nos meses de fevereiro, março e abril.

Agência Brasil

Notícias relacionadas