menu

Brasil

04/03/2015


ONGs fazem protesto virtual contra Estatuto da Família

Pernambuco

Associações e organizações em defesa da adoção de crianças, em Pernambuco, estão fazendo, nesta segunda-feira (3), um protesto virtual contra o Projeto de Lei nº 6.583/2013, mais conhecido como Estatuto da Família, de autoria do deputado pernambucano Anderson Ferreira (PR). O Estatuto pretende instaurar um “conceito de família” no Brasil a partir da união jurídica de um casal heterossexual. O projeto, caso aprovado na Câmara Federal, deve proibir a adoção de crianças por casais homossexuais.
ONGs como a GEAD Recife, a Associação Pró-Adoção e a Convivência Familiar encampam o protesto. Na página do GEAD no Facebook, por exemplo, há um convocando a militância virtual. “Vamos encher nossa timeline com o tema, utilizando fotos das diversas possibilidades de configuração familiares, usando nossa hashtag e ganhar mais adeptos para nossa causa, que se concretiza com a assinatura de nossa petição”, atesta.
A hastag do movimento é #emdefesadetodasasfamilias. O grupo também lançou um requerimento online contra o projeto, que já tem quase 5 mil assinaturas. O Estatuto da Família foi arquivado no ano passado, mas, por iniciativa do atual presidente da Câmara, o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deverá ser discutido. O deputado Anderson Ferreira (PR-PE) foi vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos ao lado do pastor Marco Feliciano (PSC-SP).

 

(Do Diário de Pernambuco)

Notícias relacionadas