menu

Brasil

19/11/2014


Oposição vence disputa e adia votação de projeto do governo na CMO

A oposição conseguiu adiar para terça-feira (25) da próxima semana a votação na Comissão Mista do Orçamento (CMO) do projeto de lei do Executivo que modifica a Lei de Diretrizes Orçamentárias para alterar a meta fiscal. Os governistas estavam confiantes que aprovariam o requerimento do relator, senador Romero Jucá, para quebrar o interstício de dois dias úteis a fim de votar ainda hoje (19) o projeto do governo.

No entanto, na votação dos deputados que integram a CMO, os governistas conseguiram 15 votos e a oposição 7, resultado insuficiente. Para quebrar o interstício de dois dias é necessária a maioria absoluta de 18 votos.

A derrota dos governistas levou senador Jucá a avaliar que houve falta de mobilização da base para a votação da matéria na comissão. Mesmo assim, Ele considerou que ainda há tempo suficiente para concluir a apreciação do projeto na comissão e no plenário do Congresso.

Notícias relacionadas