menu

Brasil

09/03/2016


Para Aécio, delação de Delcídio não vale mais

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) publicou um vídeo nas redes sociais respondendo a denúncia de que teve o nome citado pelo senador Delcídio Amaral (PT-MS) em uma suposta delação premiada – a mesma que o tucano usou como uma bomba atômica contra a presidente Dilma Rousseff.

Para ele, a suposta delação, agora, é "mais uma tentativa de vincular a oposição, e claro, sempre, o meu nome, à Operação Lava Jato". "Outras tentativas já ocorreram e foram arquivadas porque foram desmascaradas, porque eram falsas. Esse escândalo tem DNA: é do PT e de seus aliados".

Aécio disse ainda que nada o intimida, mas seu tiro de canhão explodiu no seu colo, uma vez que a suposta delação de Delcídio não pode ser verdadeira contra Dilma e falsa contra ele. "Nada, nada disso me intimida. Pelo contrário, aumenta minha determinação de continuar combatendo este governo", diz, voltando a convocar a população a se manifestar no próximo domingo 13.

Segundo o jornalista Renato Rovai, parlamentares do PT suspeitam que Aécio vazou parcialmente o documento atribuído a Delcídio, tirando a parte em que o senador petista cita seu nome, e estudam pedir sua cassação. Abaixo, o vídeo publicado por Aécio:

 

Reportagem de hoje diz que nome de Aécio Neves teria sido citado na delação do senador Delcídio. Veja o que diz Aécio.

Publicado por Aécio Neves em Quarta, 9 de março de 2016

Notícias relacionadas