menu

Piauí

13/04/2015


Perícia confirma apenas uma vítima em queda de avião no interior do PI

A perícia do Instituto de Criminalística do Piauí confirmou entre os destroços do avião que caiu na zona Rural de Assunção do Piauí, na sexta-feira passada, dia 10 de abril, os restos mortais de apenas uma pessoa. Ninguém foi ao IML reclamar o corpo, que foi completamente carbonizado. Apenas uma mão ficou mais "preservada" após a explosão da aeronave quando tocou o solo. Anteriormente, a PM havia informado a presença da ossada de pelo menos duas pessoas em meio aos destroços.

O avião monomotor, um Cessna 210, estava carregado com cocaína. Intacto, a polícia conseguiu encontrar um malote com pelo menos 30 quilos da droga pura.

Em entrevista ao programa Bom Dia Meio Norte, o secretário de Segurança Fábio Abreu confirmou a prisão de 6 pessoas e informou que a polícia já estava investigando a utilização de uma pista clandestina, próximo ao local do acidente, por grupos ligados ao tráfico de drogas.

"A droga estava pronta para ser lançada. O avião às vezes não tem como pousar e isso é muito comum em estados como o Mato Grosso. Eles lançam o fardo da droga do ar e os traficantes em terra pegam o material", disse Fábio Abreu.

Não há mais dúvidas para a polícia que a quadrilha possuía uma estrutura muito grande. "Uma aeronave, três carros picape, um carro pipa provavelmente passar nas barreiras sem chamar atenção", disse o secretário, comentando ainda sobre os radiocomunicadores e até um drone que foi encontrado com os bandidos presos logo após serem encontrados os destroços do avião.

702d8b93a354e56e92dc3f41766900fa.jpg

Como o local do acidente fica próximo a fronteira do Piauí com Ceará, a polícia ainda não tem certeza se a droga viria para Teresina ou se seria levada para a capital cearense Fortaleza. A polícia irá agora investigar a vida pregressa dos presos, que até agora não deram nenhum detalhe da ação em depoimento.

POPULARES OUVIRAM ESTRONDO
Por telefone, ainda no sábado quando os destroços do avião foram encontrados, o 180graus conversou com uma pessoa que esteve no local do acidente. Na sexta-feira, pessoas que moram próximo ao local do acidente viram um avião voando baixo, isso por volta de 19h. Hoje, passando pela mata já desconfiados de um possível acidente, os moradores encontraram os destroços da aeronave e acionaram a polícia.

O local da queda fica no Povoado Lajeiro Branco, distante 23 km da sede do município.

A maioria dos presos são do estado do Ceará. Um deles é natural da cidade de Balneário Camboriú-SC. Próximo ao local do acidente há uma pista de pouso clandestina, que seria o suposto destino do avião.

Notícias relacionadas