menu

Brasil

26/06/2014


PF ainda não registrou a saída de 25 chilenos expulsos do país

Copa do Mundo

A Polícia Federal (PF) ainda não registrou a saída de 25 dos 85 torcedores chilenos expulsos do país por invadirem o Maracanã. Os estrangeiros foram detidos durante a partida entre o Chile e a Espanha pela segunda rodada da Copa do Mundo, no dia 18 de junho.

Eles foram liberados pela Polícia Civil, mas a PF determinou que deixassem o país no prazo de 72 horas. Sessenta torcedores chilenos já saíram do Brasil, segundo informações da Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro. Também deixou o país um boliviano flagrado na invasão do Maracanã.

A Polícia Federal determinou o pagamento de R$ 8,27 para cada dia que os chilenos ficarem no país. A multa deve ser paga na saída ou em um eventual retorno do turista ao Brasil.

Notícias relacionadas