menu

Brasil

06/01/2016


PF interroga presidente do TCU sobre caso de corrupção

O presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), Aroldo Cedraz, será interrogado pela Polícia Federal em inquérito que apura corrupção. Trata-se do primeiro caso na história envolvendo um presidente do órgão, segundo o colunista Claudio Humberto, do Diário do Poder.

A PF investiga o filho do ministro, o advogado Tiago Cedraz, pela venda de informações privilegiadas do TCU a Ricardo Pessoa, da UTC Engenharia. O ex-ministro Edison Lobão e o vice-presidente do TCU, Raimundo Carreiro, também são investigados.

Em troca de propina, Tiago Cedraz é acusado de antecipar a Pessoa a lista secreta do TCU de obras passíveis de embargo em razão de graves suspeitas. O empreiteiro é suspeito de usar a informação para subornar políticos.

A lista do TCU é enviada anualmente ao Comitê de Obras Irregulares do Congresso, hoje presidida pela senadora Rose Freitas (PMDB-ES). E a PF quer o acesso aos nomes dos políticos que faziam parte do Comitê.

Notícias relacionadas