menu

Brasil

30/06/2014


Presidente do Uruguai chama Fifa de ‘fascista’ e dispara: ‘Filhos da p…’

Copa do Mundo

O presidente do Uruguai, José Mujica, detonou a Fifa após a eliminação de sua seleção na Copa do Mundo. Mujica disse que a entidade aplicou uma sanção fascista para Luis Suárez, por conta da mordida em Chiellini e afirmou que a Fifa é formada por 'velhos filhos da p…", em vídeo exibido no programa La Hora de los Esportes, do canal TNU.

"A Fifa é um bando de velhos filhos da p…", disse o presidente uruguaio, ao criticar a suspensão ao atacante Luis Suárez, punido por dar uma mordida no italiano Chiellini durante partida da fase de grupos da Copa. O jogador pegou nove jogos de suspensão, além de quatro meses de qualquer atividade relacionada com o futebol. "Poderiam ter punido, mas não aplicado sanções fascistas", disse Mujica

No vídeo, Mujica coloca a mão na boca logo após disparar o palavrão. O jornalista questiona o presidente se a cena poderia ser publicada. Mujica confirma. "Por mim, publica".

O jornalista vira a câmera na direção da primeira-dama e senadora Lucía Topolansky e pergunta a ela o que pensa da suspensão. "Faço minhas as palavras do presidente", disse a primeira-dama.

Em entrevista ao programa De Surda, de Diego Maradona, Mujica já havia disparado contra a entidade. "Estamos cheios de bronca. A Fifa não entende nada dos que vêm de baixo. Nós vimos todas as partidas e existe um peso diferente. Isso é o que mais dói e nos deixa indignado".

Notícias relacionadas