menu

Brasil

07/01/2014


Procon multa Infraero após criança cair de vão em escada no Galeão

NO RIO DE JANEIRO

Após uma criança argentina cair do vão de uma escada no Terminal 2 do Aeroporto do Galeão, no último sábado, uma equipe do Procon realizou fiscalização no local e várias irregularidades foram constatadas, inclusive a de um risco iminente para os passageiros. Segundo o órgão, além do vão da escada que a menina argentina Camila Palacios caiu, outras escadas também oferecem riscos, inclusive com um espaço maior. Segundo o Procon, até um adulto poderia cair nesse vão. A Infraero foi multada e o valor poderá chegar até R$ 7 milhões.

"Algum adulto com algum problema de discernimento mental pode perfeitamente cair alí", disse Fábio Domingos.

Além do vão das escadas, foram constatados outros problemas no ar-condicionado do Terminal 1, no embarque internacional. De acordo com o Procon, as empresas aéreas tiveram que socorrer os clientes com ventiladores. Além do calor infernal, os banheiros e bebedouros também estavam fechados e o banheiro para deficiente físico estava sem funcionar. Além dessas irregularidades, problemas de locomoção também foram constatados. Uma esteira que leva de um terminal para o outro estava com uma canaleta solta oferecendo risco. A pessoa poderia machucar o pé se passasse pelo local.

A Infraero terá até 15 dias para apresentar uma defesa ou justificativas sobre as irregularidades.

Segundo a Secretaria Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Seprocon), muitas pessoas já haviam denunciado várias irregularidades. Os relatos já eram recorrentes e o Aeroporto do Galeão já estava na lista de fiscalização do órgão.

iG

Notícias relacionadas