menu

Brasil

02/04/2014


PV discute articulação eleitoral e volta a cogitar candidatura de Célia

BAHIA

Diante de um possível abalo na chamada “união das oposições”, a executiva estadual do PV marcou para esta quarta-feira (1º), em Salvador, uma reunião cuja pauta gira em torno, dentre outros temas, do encaminhamento da articulação eleitoral da sigla. A informação foi divulgada ao Bahia Notícias pelo ex-presidente do partido e atual dirigente da pasta municipal Cidade Sustentável, Ivanilson Gomes. Segundo ele, a legenda deve esperar o anúncio do arranjo final da chapa coordenada pelo prefeito da capital baiana, ACM Neto (DEM), para se posicionar.

Se confirmado o cisma da ala contrária – eventual consequência da já especulada escolha do ex governador Paulo Souto (DEM) para o cargo máximo da coligação –, no entanto, o PV analisa outras opções, além da permanência no time tucano-democrata e a debandada à marcha quase solitária do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) rumo ao pleito de outubro deste ano. Uma das vias cogitadas pelos verdes, de acordo com o secretário, é a aposta em uma candidatura própria da vice-prefeita de Salvador, Célia Sacramento (PV), intenção exposta pela primeira vez em fevereiro, que já era considerada improvável.

“Essa alternativa ainda não foi descartada. Célia tem uma boa visibilidade e tem sido sintonizada com as decisões do partido. Mas ainda estamos discutindo as possibilidades. Tem todo um processo de análise. Ela tem colocado o nome à disposição”, evidenciou. Outra possibilidade é a aproximação com a pré-pleiteante do PSB, a senadora Lídice da Mata, que já tentou angariar o apoio da sigla ecológica em encontros informais. “Essa opção também existe. Lídice é uma pessoa com história política muito boa. Ela já se reuniu com Alan [Lacerda, atual presidente estadual do PV]. É, com certeza, um nome a ser considerado. Muito considerado”, supôs Ivanilson. O auxiliar de Neto, que deve disputar uma vaga na Câmara dos Deputados, deixa o comando do órgão municipal no próximo dia 4. A decisão oficial sobre quem ficará em seu lugar foi tomada esta semana. O eleito foi o subsecretário da pasta, André Fraga.

(Bahia Notícias)

Notícias relacionadas