menu

Brasil

17/02/2014


Reclamações contra bancos diminuem 13% em janeiro de 2014, segundo BC

Economia

A quantidade de reclamações contra bancos diminuiu em janeiro, segundo levantamento do Banco Central. Foram registradas 2.175 queixas procedentes no mês passado, queda de 13,3% sobre dezembro de 2013.

Entre os bancos com mais de 1 milhão de clientes, o Santander voltou a ocupar a primeira posição em número de reclamações. O banco teve 382 queixas procedentes no mês passado e conta com 23,166 milhões de clientes. O índice foi de 1,64, contra 1,31 em dezembro de 2013.

Por outro lado, o HSBC saiu da primeira colocação para o segundo lugar, com índice de 1,37 e 81 reclamações.

O Itaú ficou na terceira colocação, com índice de 1,19, e o Banco do Brasil ocupou a quarta colocação (1,15). Em quinto lugar, está a Caixa Econômica Federal, com índice de 0,82.

No ranking das reclamações, os débitos não autorizados lideram a lista, com 408 queixas. Em segundo lugar, estão os esclarecimentos incompletos ou incorretos (218). Na sequência, estão cobranças irregulares por serviços não contratados, com 201 reclamações.

Entre os bancos com menos de 1 milhão de clientes, o primeiro colocado em número de queixas foi o BNP Paribas, com 66 reclamações procedentes e índice de 3.419,68.

Notícias relacionadas