menu

Paraíba

01/03/2016


Reitora da UFPB comunica invasão ao MEC e contrata segurança particular

A reitora da Universidade Federal da Paraíba, professora Margareth Diniz, revelou hoje durante entrevista a um programa de rádio, que comunicou a invasão ao prédio da Reitoria na tarde de ontem por alunos que protestam por melhorias na assistência aos estudantes, ao Ministério da Educação e demais órgãos competentes. Margareth informou ainda que contratou um serviço de segurança particular para lhe garantir proteção.

De acordo com a reitora, todos os procedimentos cabíveis após a invasão com praticas de vandalismo, foram adotadas e todos os órgãos competentes, a exemplo da Polícia Federal, Polícia Militar e Ministério da Cultura foram comunicados.

Ela disse ainda que contratou um serviço de segurança particular, por que ficou temerosa por não saber do que são capazes algumas das pessoas que participam do protesto. Apesar disso, ela garante que não se deixará intimidar, por entender que a grande maioria dos que fazem a UFPB desejam a continuidade do seu trabalho.

Quatro estudantes estão há cerca de 5 dias fazendo uma greve de fome como parte de um protesto que busca melhorias na assistência ao estudantes, tais como uma contemplação maior de estudantes beneficiados com o aluguel social e o aumento dos usuários do Restaurante Universitário. Na tarde de ontem, um grupo de estudantes invadiram a reitoria e são acusados pelo reitora de mantê-la, juntamente com a filha menor, em cárcere privado.

WSCOM 

Notícias relacionadas