menu

Brasil

19/02/2014


Revista Nordeste no 50º Baile Municipal de Recife

PERNAMBUCO

A Revista NORDESTE é convidada de honra da 50ª edição do Baile Municipal do Recife, realizado pela Prefeitura da cidade. O evento será no sábado, 22 de fevereiro, a partir das 20h, no Chevrolet Hall, com a ilustre presença do homenageado do Carnaval 2014, o multiartista Antonio Nóbrega (foto). Sete horas de muito frevo com apresentação do maestro Ademir Araújo e da Orquestra Popular do Recife, participação de Claudionor Germano e convidados; Maestro Forró e da Orquestra Popular da Bomba do Hemetério, e show da Spok Frevo Orquestra, que trará os convidados Alceu Valença, Elba Ramalho, André Rio, Almir Rouche, Gustavo Travassos, Marrom Brasileiro e Ed Carlos.

Como sempre, toda a renda do Baile será doada. Em 2013, 10 instituições dividiram os R$ 718,4 mil arrecadados. Este ano, a Prefeitura elegeu mais sete instituições para serem beneficiadas, atendendo públicos distintos. São elas: Associação Pernambucana de Portadores de Leucemia (APPL), Associação dos Portadores de Doença de Chagas e Insuficiência Cardíaca e Miocardiopatias, Casa do Hemofílico Gilson Saraiva, Instituição dos Cegos, Lar do Neném, Lar de Jesus e Instituto Arthur Vinicius.


Decoração
Este ano o Baile Municipal ganha decoração com projeto de assinatura de Carlos Augusto Lira, e cenografia que homenageia o povo exaltando o folião recifense, através de uma leitura popular das suas fantasias e máscaras. A ponte que dá acesso à festa será ornada com uma sereia em homenagem ao Frevo. Figuras de Antônio Nóbrega terão destaque no interior do Chevrolet Hall. A tecnologia também estará em alta nesta 50ª edição com telas de LED, recursos de iluminação e moving head, reproduzindo diversos efeitos visuais.
Concursos e outras atrações
O Baile Municipal do Recife apresentará também, além dos shows, outras atrações como Concursos de Fotos, retratando a história do 50 anos do Baile; Concurso de Fantasias, e até escolas de Samba que animarão a pista de dança. Para animar ainda mais, a Orquestra Popular da Bomba do Hemetério e o Maracatu Piaba de Ouro.

A primeira edição do Baile Municipal trouxe há 50 anos a presença de personalidades nacionais do mundo artístico e cultural, político e empresarial, como Rubem Braga, Fernando Sabino, Paulo Mendes Campos, Vinícius de Moraes, Millôr Fernandes, Tom Jobim, Luis Carlos Barreto, Jardel Filho, Paulo Autran, Tônia Carreiro e Álvaro Lins. Jornalistas, escritores, cantores, atores, todos faziam questão de vir para o Baile Municipal do Recife. Fica também o registro de grandes revelações de Orquestras e maestros como Nelson Ferreira, Zé Menezes, Clóvis Pereira, Guedes Peixoto e muito outros. Não é por menos que o Carnaval do Recife tem reconhecido o Frevo como Patrimônio Imaterial da Humanidade.
 

Notícias relacionadas