menu

Brasil

27/01/2019


Ricardo defende reestatização da Vale depois da tragédia em Minas e causa polêmica

247 – A ideia de se reestatizar a Vale, responsável pelo maior crime ambiental do País, acaba de ser lançada por uma importante voz da oposição. “Um Presidente altivo, estatizaria a Vale e a venderia daqui a um ano descontando todas as indenizações, multas e prejuízos, além de fechar todas as explorações que contivessem risco potencial ao ambiente e a comunidades. Basta!”, diz Ricardo Coutinho, que presidiu a Paraíba por dois mandatos e hoje preside a Fundação João Mangabeira, do PSB, um dos principais partidos de oposição ao bolsonarismo.

(Reuters) – O número de vítimas fatais do rompimento de barragem da mineradora Vale em Brumadinho, Minas Gerais, subiu para 34, informou o Corpo de Bombeiros do Estado neste sábado.

Em nota sobre o andamento do trabalho de buscas, a corporação informou ainda que 81 pessoas estão desabrigadas. Também foram encaminhadas para o hospital outras 23 pessoas feridas, disse o Corpo de Bombeiros.

Notícias relacionadas