menu

Paraíba

07/03/2016


Ricardo vê espetacularização em caso Lula: “querem lenha na fogueira”

O governador Ricardo Coutinho condenou, nesta segunda-feira (7) a espetacularização da investigação que envolve o presidente Lula, após condução coercitiva do presidente Lula pela Polícia Federal, na última sexta-feira (4).

Ricardo apontou o vazamento da Operação para uma emissora de TV como um dos fatores a se lamentar . “Não é possível ter vazamento, sair na TV e depois acontecer o fato. Depois um cara como Jair Bolsonaro, de ultra direita, estar em Curitiba esperanto Lula, um homem que já fez muito pelo país. Ele tem que responder sim as acusações , mas terão que ser pedidas desculpas caso seja comprovada sua inocência”.

O acirramento entre ideologias de esquerda e direita no Brasil também foi alvo de comentário do governador. Segundo Ricardo, há um estimulo por parte da mídia ao “clima de ódio” entre camadas divergentes em termos políticos. “Tem gente apostando no ódio, querendo jogar lenha na fogueira. A democracia é saudável, mas estimular o ódio é lamentável.

Coutinho ainda revelou que a pauta de reunião entre os governadores e a presidente Dilma, se resumiu ao contexto político do país, lamentando a crise estabelecida no Brasil. “Enquanto isso, me reúno com Dilma para tratar temas para o estado, mas o tema acaba se dando para o outro lado, para questões politicas, isso é lamentavel”, disse.

WSCOM

Notícias relacionadas