menu

Brasil

04/03/2015


São Paulo terá plano para contornar falta de água

O governo de São Paulo criou grupo de trabalho para elaborar um plano de contingência para o caso de colapso no abastecimento de água na Grande São Paulo. A decisão do secretário de Saneamento e Recursos Hídricos, Benedito Braga, determina a formação e as atribuições do grupo executivo ligado ao Comitê de Crise Hídrica.

O plano deverá apresentar estratégias para reduzir o impacto da falta de água na região metropolitana de São Paulo. Detalhará “as ações de curto e médio prazos para o gerenciamento e minimização dos efeitos da estiagem, a ser implementado para o caso de agravamento da crise hídrica e a inexistência de condições de oferta de água aos usuários de recursos hídricos”, diz a resolução.

A elaboração do plano havia sido anunciada no dia 13 de fevereiro. Na ocasião, o prefeito Fernando Haddad disse que um dos pontos a serem considerados é como garantir abastecimento de instituições que não podem prescindir do fornecimento de água, como escolas, hospitais e penitenciárias.

Farão parte do grupo representantes da Companhia de Saneamento Básico de São Paulo, da Defesa Civil do Estado e da Secretaria da Segurança Pública. O prefeito indicará um nome para representar todos os municípios da região metropolitana. As organizações da sociedade civil e as universidades terão direito a um nome cada. Caberá ao secretário de Saneamento indicar o coordenador do grupo.

 

(Da Agência Brasil)

Notícias relacionadas