menu

Ceará

25/02/2016


Secretaria de Saúde confirma mais duas mortes de bebês com microcefalia

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) confirmou mais duas mortes de bebês com microcefalia, segundo dados divulgados no último boletim, do dia 22 de fevereiro. Os novos casos foram confirmados nos municípios de Canindé e Crateús. Até o último dia 5 de fevereiro, oito mortes haviam sido notificadas, conforme publicado pelo O POVO Online.

O documento da Sesa aponta ainda que nove mortes em decorrência da má formação estão sendo investigadas nos municípios de Fortaleza (4), Acarape, Canindé, Jucás, Maracanaú e Pacajus. Desde outubro de 2015, foram confirmados no Estado 33 casos da doença.

Ao todo, 335 casos de microcefalia já foram notificados, sendo que 279 deles foram detectados no pós-parto e 56 durante a gestação. A secretaria informa ainda que, dos 33 diagnósticos confirmados, apenas um teve a relação com o vírus zika comprovada — os outros 32 foram diagnosticados por critério clínico-radiológico.

Recomendações

Considerando a relação entre o zika (transmitido pelo Aedes aegypti) e os casos de microcefalia, a Sesa recomenda às gestantes utilização de repelente e cuidados com o mosquito, como eliminação de criadouros e uso de vestimentas de manga comprida. Além disso, destaca o acompanhamento pré-natal das grávidas, com a realização de todos os exames médicos.

O Povo

Notícias relacionadas