menu

Sergipe

21/11/2016


Secretário de Canindé é denunciado pela morte do ator Domingos Montagner

O secretário de Turismo de Canindé de São Francisco, Dimas Roque, foi denunciado pelo promotor de Justiça, Emerson Oliveira de Andrade, pela morte do ator da Rede Globo, Domingos Montagner, e não anula a possível responsabilidade do prefeito Heleno Silva.

Em sua denúncia, o promotor citou a falta de sinalização de perigo e afirmou que Dimas Roque tinha o dever legal de agir. “Vez que com seu comportamento anterior (retirada de boias, das placas de sinalizações e demissão dos guardas vidas), criou o risco da ocorrência do resultado ao liberar a área para banho, sem atender os deveres objetivos de cuidados, sem tentar impedir a ocorrência de resultados danosos, cuja ação resultou na morte do ator Domingos Montagner”, considerou.

Para o prefeito Heleno, não há responsabilidade criminal no caso, já que, segundo ele, a morte do ator foi uma fatalidade e a tragédia não teria como ser evitada já que a decisão de se afastar da beira do rio foi da própria vítima.

No dia 15 de setembro, acompanhado pela atriz Camila Pitanga, Montagner foi tomar banho do Rio São Francisco, na prainha Beira Rio. Na ocasião, não haviam placas de perigo para banhistas, boias de delimitação e nem salva-vidas. Somente depois da morte do ator, a qual a perícia concluiu que foi por afogamento, que medidas de segurança começaram a ser tomadas. Na época, o secretário de Turismo do município afirmou que as placas e a sinalização foram retiradas por conta de obras que estavam sendo feito no local. 

Jornal da Cidade

Notícias relacionadas