menu

Alagoas

23/07/2015


Servidores do Judiciário Federal de Alagoas mantém greve

Os servidores do Judiciário Federal de Alagoas decidiram manter a greve por tempo indeterminado, deflagrada desde o dia 17 de junho, pela derrubada do veto ao PLC 28/2015 que recompõe as perdas de nove da categoria.

A decisão ocorreu, na quarta-feira (22), no prédio das Varas do Trabalho de Maceió, a categoria do poder judiciário federal em Alagoas que também decidiu pelo reconhecimento apenas da Fenajufe e do Comando Nacional de Greve como legítimos representantes da categoria no processo de negociação salarial perante às instituições e aos poderes.

O Sindjus/AL dá seguimento ao calendário de atividades da greve com realização de atos públicos e assembleia geral. Na programação, haverá um ato público unificado com realização de assembleia geral com os servidores públicos federais, que também estão em greve para cobrar uma política salarial permanente com definição de data-base em 1º de maio; integralidade e paridade entre ativos, aposentados e pensionistas e reposição inflacionária emergencial.

 

Atividade de greve

23/07 – Participação na passeata conjunta com os servidores públicos federais em Alagoas a partir das 13 horas no IFAL-Maceió (antiga Escola Técnica).

Passeata com paradas no prédio das Varas de Maceió no TRT (Av. da Paz), prédio do INSS e Espaço Cultural da Ufal na Praça Sinimbu.

24/04 – Assembleia de avaliação dos encaminhamentos do Comando Nacional de Greve a partir das 9h no prédio das Varas do Trabalho de Maceió.

Alagoas 24 horas
 

Notícias relacionadas