menu

Brasil

03/06/2014


Sílvio Mendes admite pela 1ª vez que é pré-candidato a governador

PIAUÍ

Logo após o deputado federal Marcelo Castro (PMDB-PI) comunicar desistência de sua pré-candidatura ao governo do Piauí, o ex-prefeito de Teresina Sílvio Mendes (PSDB) admitiu que seu nome está a disposição para uma nova candidatura a governador do Estado.

Em coletiva no seu escritório na zona Leste da capital, Marcelo Castro agradeceu Sílvio Mendes por se recusar a sair como candidato a vice do atual governador Antônio José de Moraes Souza Filho, Zé Filho (PMDB), e afirmou que estará ao lado do tucano a partir de agora. 

Sílvio Mendes concedeu entrevista em seguida. Foi interrompido por gritos de apoio com a frase "O povo não tem senhor! Sílvio governador". Demonstrando certa irritação, pediu que os gritos cessassem.

"Nós estamos tratando de coisa muito séria. Ela não pode gerar desconfiança e muito menos desesperança de um povo que espera dos seus homens públicos postura e decência", disse Sílvio Mendes.

Sem falar no acordo firmado em janeiro para que Marcelo Castro fosse candidato a governador, Sílvio Mendes comentou a situação política. "Não trato jamais a nível de traições. Agora, diante dos fatos, diante das circunstâncias, eu reafirmo que o meu nome está disponível para a população do meu Estado. Poderei, sim, ser candidato a governador pelo meu Estado". 

O ex-prefeito, no entanto, condicionou essa pré-candidatura. "Se eu receber o mínimo de apoio possível para ser candidato, eu serei".

(Cidade Verde)
 

Notícias relacionadas