menu

Brasil

03/06/2015


Suspensas oficialmente as negociações para a fusão entre PPS e PSB

O vice-governador de São Paulo, Márcio França, acaba de comunicar oficialmente ao comando nacional do PPS que seu partido decidiu adiar — sem data marcada — a fusão entre as duas legendas.

A fusão PPS-PSB já tinha sido aprovada pelos diretórios nacionais dos dois partidos. Foi anunciada no final de abril pelo comando dos dois partidos, em solenidade em Brasília (foto)

Mas a decisão da Câmara dos Deputados de manter a continuidade das coligações eleitorais enfraqueceu a posição de França dentro do

Márcio França tem dito que as negociações continuarão e que o adiamento não deverá ser por longo tempo.partido, favorável à fusão com o PPS, e fortaleceu os grupos contrários, encabeçados pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

No PPS, no entanto a notícia foi recebida com pessimismo. A expectativa do partido comandado pelo deputado Roberto Freire (PPS-SP) é de que, se houver, a fusão agora só ocorra às vésperas das eleições de 2018.

IG

Notícias relacionadas