menu

Rio Grande do Norte

18/06/2015


Traficante ‘Marcinho VP’ estaria comandando tráfico de Presídio Federal

O preso Márcio dos Santos Nepomuceno, conhecido como “Marcinho VP”, de 41 anos, é apontado pela Polícia do Rio de Janeiro como um dos líderes da facção criminosa “Comando Vermelho”, mesmo estando detido no Presídio Federal de Mossoró.

O fato foi descoberto através de uma investigação da Polícia Civil do Rio de Janeiro, que cumpriu 65 mandados de prisão nesta terça-feira (16), no Rio.

De acordo com o delegado Felipe Curi, da 27ªDP, “eles (os chefes do tráfico) atuam através de pessoas que estão fora da cadeia e algumas que estão no Complexo do Bangu. No presídio federal é através dos visitantes”.

As investigações tiveram início de análise de mensagens de texto recebidas por um celular. O aparelho foi apreendido durante uma operação no Complexo do Alemão, na zona norte do Rio, em 2014.

“A margem de lucro é muito grande. Essa operação revelou como funciona as engrenagens da maior facção criminosa do estado do Rio de Janeiro”, afirma o delegado.

A investigação também chegou até o nome de outro preso. Elias Pereira da Silva, conhecido como “Elias Maluco”, de 48 anos, está detido no Presídio de Catanduvas, no Paraná, e também é apontado pela Polícia de estar liderando facção criminosa do Rio.

“Marcinho VP” está preso desde 1996, por tráfico de drogas. Só pelo assassinato de dois traficantes, foi condenado a 36 anos de prisão.

“Elias Maluco” foi condenado pelo assassinato do jornalista Tim Lopes, em 2002, e tráfico de drogas no morro do Alemão, no Rio de Janeiro.

Notícias relacionadas