menu

Paraíba

05/10/2016


Unimed-JP realiza procedimento mais complexo que existe: transplante de fígado

O Hospital Alberto Urquiza Wanderley realizou, domingo passado (2), mais um transplante de fígado. O paciente foi o agricultor J.R.S., de 31 anos, que passa bem e deverá ser transferido da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para um apartamento do hospital ainda nesta quarta-feira (5). O órgão transplantado foi coletado de um rapaz de 19 anos, vítima de arma de fogo.

O transplante de fígado é o procedimento médico mais complexo a que um ser humano pode ser submetido. A cirurgia de J.R.S. durou seis horas e transcorreu dentro da normalidade. Ele foi assistido por uma equipe de 15 profissionais, chefiados pelo cirurgião do aparelho digestivo Cássio Virgilio Cavalcante de Oliveira.
J.R.S., que era o primeiro da lista de transplantes, tinha Colangite Esclerosante, uma doença rara que fecha os canais do fígado. Como consequência, o fluxo sanguíneo é bloqueado e a bile deixa de ser drenada, ocasionando icterícia.

Marcos históricos

Referência em procedimentos de alta complexidade, o Hospital Alberto Urquiza Wanderley é o único da Paraíba habilitado junto ao Ministério da Saúde para realização de transplantes de fígado. O primeiro procedimento ocorreu no dia 8 de junho de 2004 e entrou para a história da medicina paraibana pelo pioneirismo.
A unidade também é responsável por outros marcos históricos na saúde da Paraíba. Entre eles, destacam-se o nascimento de quíntuplos, em 4 de setembro de 2003; o primeiro transplante cardíaco, em 23 de maio de 2004; e o primeiro transplante de rim, em 2 de outubro de 2009.

Estrutura

O desempenho não ocorre por acaso. O Hospital Alberto Urquiza Wanderley dispõe, em sua estrutura, de um moderno centro cirúrgico, um completo Centro de Terapia Intensiva com seis UTIs, Centro de Diagnóstico por Imagem, entre outros serviços essenciais à realização de procedimentos de alta complexidade.
Na equipe médica, estão alguns dos maiores especialistas do Estado e a equipe assistencial é altamente capacitada. Além disso, os investimentos na melhoria dos serviços são permanentes. Prova disso é que o Alberto Urquiza é o único hospital da Paraíba com Acreditação Plena Nìvel 2, um certificado de qualidade da rede hospitalar.

WSCOM

Notícias relacionadas