menu

Bahia

20/01/2016


Vereador quer acabar com a exclusividade da Schin no carnaval

O vereador José Trindade (PSL) entrou com ação no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) e na Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) para derrubar o acordo de exclusividade para venda de cervejas no carnaval de Salvador.

Segundo ele, a decisão da prefeitura "limita as possibilidades de ganho dos comerciantes e impede a livre escolha dos consumidores". Em 2016, apenas a Schin poderá ser vendida nos circuitos da folia.

"Entendo que quem patrocina deva ter o direito de colocar suas marcas nos circuitos com exclusividade, mas obrigar o cidadão a consumir determinado produto configura ilegalidade", critica o vereador em publicação no Bahia Notícias.

Ele também estima que a gestão municipal gasta R$ 2 milhões apenas para fiscalizar a exclusividade e questiona o fato de as cervejarias não deixarem um benefício permanente para a população que justifique o apoio da Prefeitura.

A distribuição para os kits para os vendedores ambulantes que vão trabalhar no Carnaval começa nesta terça-feira (19) e segue até o próximo dia 30.

Notícias relacionadas