menu

Brasil

29/03/2015


Vettel destrona o domínio das Mercedes em Sepang

 

Superando todas as expectativas, Sebastian Vettel conseguiu derrubar a hegemonia da Mercedes na atual fase da Fórmula 1. A felicidade do alemão no rádio da equipe, inclusive falando em italiano, demonstrava o tamanho da façanha de quem estava acostumado com as vitórias.

 

Largando na segunda posição, Vettel atacou logo de cara o líder da prova, Lewis Hamilton, mas sem sucesso. A briga mesmo foi defender a posição contra o outro carro da Mercedes que vinha logo atrás. Entretanto, o tempo foi amigo do germânico. Que teve paciência até assumir a liderança da prova pela primeira vez.

 

Mas a batalha entre Mercedes e Ferrari estava nos boxes, nas estratégias, nos jogos de pneus. E nesse quesito, a equipe alemã perdeu. Na pista também. Na segunda oportunidade de Vettel em assumir a liderança, ele não largou mais e foi assim até receber a bandeira quadriculada em primeiro.

Em segundo cruzou Hamilton. Na terceira posição, Nico Rosberg. O brasileiro Felipe Massa bem que tentou colocar a Williams como a segunda potência do grid, lutou até o final com seu companheiro de equipe pela quinta posição. Mesmo com toda experiência, o brasileiro foi superado por Bottas em uma disputa interessante e terminou em sexto. Felipe Nars concluiu a prova em 12º.

A corrida:

Tudo pronto no grid de largada para a segunda etapa da temporada. Após o giro de apresentação, apenas 19 carros alinharam no grid. Isso porque Will Stevens teve um problema em sua Manor antes mesmo da prova começar. Sem maiores dificuldades, Hamilton trouxe sua Mercedes para alinhar no primeiro colchete. Logo ao lado a Ferrari de Vettel. Na segunda fila alinhou Nico Rosberg e Daniel Ricciardo. A Williams de Felipe Massa estava em sétimo e Nars em 16º.

Com a luz verde liberada, Hamilton não teve problemas em sustentar a primeira posição. Já seu companheiro de equipe até que fez uma boa largada. No entanto, Vettel fez o que foi preciso para se garantir na segunda posição. O brasileiro Felipe Massa largou bem e ganhou duas posições e assumia a quinta posição.

Pela segunda vez consecutiva, Nars e Raikkonen se tocavam na pista. O Finlandês teve um pneu furado e o brasileiro foi obrigado a trocar a asa dianteira do seu carro. Prova comprometida para os dois pilotos.

Na quarta volta já tivemos a entrada do carro de segurança. Brigando pela oitava posição com Romain Grosjean, Ericsson foi parar longe área de escape. E os carros nos boxes para efetuar a primeira troca de pneus.

Notícias relacionadas