menu

24/09/2019


Walter Santos analisa crise no PSB da Paraíba e projeta mais tempo de enfrentamentos

O jornalista e analista politico Walter Santos traz nova abordagem sobre a crise interna no PSB paraibano depois da intervenção na presidência do partido para abrigar o ex-governador Ricardo Coutinho com reação do governador João Azevedo.
Eis a síntese:

A disputa pela “Retórica” não alivia crise no PSB; João e Ricardo agem para expor e impor conceitos

Ninguém se iluda: pelos diversos fatos registrados ontem, segunda-feira, envolvendo os principais atores do PSB paraibano, a disputa pela Retórica sobre a realidade partidária está apenas no início de uma trajetória demorada e que ainda não exclui até a possibilidade de rompimento entre o atual e o ex-governador do Estado.

Na segunda-feira, 23, alguns fatos chamaram a atenção, a partir da reunião do governador João Azevedo com cinco líderes partidários do campo de esquerda abordando a temática da crise no PSB e seus desdobramentos. Ele foi dar sua versão antes de vingar o disse-me-disse deturpador com saldo positivo ao final , segundo os partidos Rede, PT e PMN.

No mesmo dia, evidenciou-se como realidade conflitante a participação dos deputados Hervázio Bezerra e Estela Bezerra na TV Master expondo leituras diferentes sobre a intervenção no PSB e a forma do ex-governador Ricardo Coutinho de assumir a presidência do partido. O consenso passou longe.

No paralelo, diversos filiados do PSB em João Pessoa anunciaram renúncia em definitivo de qualquer cargo na legenda agora presidido por Estela demonstrando que a crise está longe de terminar.

Noutro contexto, também envolvendo o saldo socialista, o ex-governador foi alvo de enfrentamento de jovem estudante, ex-assessor do deputado federal Julian Lemos, querendo intimidar Ricardo abordando a Operação Calvário mas tendo resposta firme do lider socialista.
DESFECHO

Em síntese, o PSB está no alvo de enfrentamentos internos e externos dando clara demonstração de que sem consenso no comando das políticas do partido, ainda vai ser preciso mais tempo e muita conversa até o desfecho final.

Por enquanto, o fato é que a forma de mudança no comando partidário de fato atrapalhou e criou feridas pelo argumento simples de que não precisava de intervenção para abrigar o ex-governador na presidência do partido.

UMAS & OUTRAS

… O governador Flávio Dino, do Maranhão, deu demonstração de preparo e conhecimento aprofundado sobre o exercício da política na vida pública nacional quando da entrevista no programa “Roda Viva”, na TV Cultura.
… Ele admitiu colocar seu nome à disputa presidencial, que em acontecendo qualificaria o debate, mas reconheceu o papel de Lula e do PT na busca de unidade na Esquerda.

… O ex-governador e ex-senador Cícero Lucena mudou de discurso em entrevista no programa “Frente a Frente” com Luís Torres, ao admitir que pode voltar ao debate e à disputa da Prefeitura de João Pessoa. Reanimou-se.

ÚLTIMA

“O povo foge da ignorância/apesar de viver tão perto dela…”

Notícias relacionadas