menu

Paraíba

07/10/2019


Walter Santos: na PB, João Azevedo impõe novo estilo e diretrizes de governo

João Azevêdo impõe estilo firme, com foco em resultados, mas abrigando a tolerância

A primeira reunião do governador João Azevêdo com todo secretariado e segundo escalão apontando para a urgente necessidade de adequações visando atender promessas de campanha em tempo de vaca magra mostrou que ele se mantém responsável com a saúde fiscal do Estado e o compromisso de executar o prometido, mesmo em época de Zero Dinheiro novo do Governo Federal, como disse.

Ele deixou claro a todos que vai insistir na luta no âmbito federal para ver vingada a Cessão Onerosa, a nova partilha dos Royalties do petróleo, melhor distribuição do Fundeb, etc, até a obtenção de recursos novos com empréstimos, por isso considera fundamental o empenho de todos nesta direção.

O RECADO POLITICO

Ficou evidente que o governador quer e vai distinguir governo de partido, mesmo assim aproveitando o mote recomendou que, acaso alguém da equipe não esteja de conformidade com este contexto, que tome a iniciativa de se afastar voluntariamente do cargo.

João Azevedo poderia ter feito o usual, ou seja demitir todos indistintamente ou pedir a alguém que encabeçasse uma renúncia coletiva, mas ele nem fez uma coisa nem outra: deixou tudo a cargo da consciência de cada um. Mas vai cobrar, ninguém se iluda.

Sem tirar nem por este é um novo estilo em curso, menos truculento e maleável porque todos estão convidados a ficar, exceto quem ouse tratar o cenário diferente.

É este João Azevêdo que começa a se impor à sua maneira: tolerante mas firme e motivado.

Notícias relacionadas