Internacional

ONU alerta para violência de gênero em meio à pandemia do novo coronavírus

A Organização das Nações Unidas observou que as mulheres são vítimas de violência em meio à pandemia e correm maior risco de infecção e perda de seus meios de subsistência.

28/06/2020


Brasil 247

As Nações Unidas (ONU) expressaram preocupação com a violência de gênero em meio à pandemia do novo coronavírus. As mulheres são vítimas de violência e correm maior risco de infecção e perda de seus meios de subsistência.

“A pandemia de Covid-19 não é apenas um problema de saúde; causa um choque profundo em nossas sociedades e economias. Além disso, as mulheres estão sobrecarregadas com as tarefas de cuidado e resposta à crise em curso”, afirmou a ONU.

A organização internacional reiterou que a vida das mulheres deve ser garantida e seu trabalho na sociedade deve ser considerado. “Todos os dias, mulheres – seja na primeira linha de resposta ou como profissionais de saúde, voluntários da comunidade, gerentes de transporte e logística, cientistas e muitas outras ocupações – dão contribuições fundamentais para conter o surto “, acrescenta.

“243 milhões de mulheres sofreram violência física ou sexual de seus parceiros no último ano (…) elas estão em maior risco de infecção e perda de seus meios de subsistência. A tendência existente indica que, durante a crise, há menos acesso à saúde sexual e reprodutiva e aumento da violência doméstica”, afirma a organização multilateral.

A ONU reiterou que garante as informações necessárias sobre as perspectivas de gênero no contexto da pandemia: “As mulheres da ONU fornecem informações e análises atualizadas sobre como e por que incluir uma perspectiva de gênero na resposta ao Covid-19”, informa a Telesul.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.