Nordeste

Paulo Câmara segue sem liberar volta do futebol em PE, mas terá reunião com FPF e cenário pode mudar

Prazos para a conclusão do Campeonato Pernambucano e da Copa do Nordeste estão se esgotando de acordo com novo calendário da CBF

07/07/2020


Na imagem o governador de Pernambuco, Paulo Câmara

Após mais uma entrevista coletiva nesta terça-feira (7), o governador de Pernambuco Paulo Câmara (PSB) não autorizou a volta dos jogos de futebol no estado. O posicionamento frustra mais uma vez os planos da Federação Pernambucana (FPF), que visava retomar o Campeonato Estadual já no próximo domingo. A competição está paralisada desde o dia 16 de março, por conta da pandemia do novo coronavírus.

Porém, de acordo secretário de saúde, André Longo, o cenário pode mudar. Segundo ele, ainda esta semana, haverá uma reunião das autoridades de saúde do estado com o presidente FPF, Evandro Carvalho, para tentar encontrar uma possível data para o retornos dos jogos de futebol em Pernambuco. O mandatário da federação já informou que assim que o governo autorizar a volta dos jogos, a entidade divulgará a tabela do Estadual em 24 horas.

“Temos mantido contato com o presidente Evandro e deveremos ter uma reunião no decorrer dessa semana para ouvir as angústias da FPF. Temos sensibilidade para o tema futebol, tanto que já liberamos os treinos. Sabemos que existe o problema do calendário e vamos trazer isso à mesa. Vamos sentar e tentar encontrar um denominador comum para o retorno dos jogos com segurança, obviamente sem público nos estádios. Vamos ter essa reunião com o presidente da federação para apontar uma data para o retorno do calendário do futebol no estado”, afirmou o secretário André Longo

A pressa da FPF no retorno dos jogos se justifica. Isso porque os prazos para a conclusão do Campeonato Pernambucano e da Copa do Nordeste estão se esgotando. No último domingo, em entrevista ao jornal O Globo, o presidente da CBF, Rogério Caboclo, reforçou a intenção de iniciar as Séries A, B e C do Campeonato Brasileiro nos dias 8 e 9 de agosto. A ideia é que, até lá, todas as competições ainda em aberto sejam concluídas.

Restam ainda cinco datas para a conclusão do Campeonato Pernambucano (última rodada da fase classificatória, quartas de final, semifinal e decisão, em dois jogos), e também cinco datas para o término da Copa do Nordeste (com a sequência de partidas idêntica a do Estadual).

Com relação ao Regional, a CBF já oficializou que todos os confrontos restantes serão disputadas em sede única, com Salvador sendo apontada nos bastidores como a favorita. No entanto, também ainda não há liberação para a volta do futebol na Bahia. Mesmo assim, o prazo especulado para o retorno do torneio é o próximo dia 18, o que choca com datas que seriam reservadas também para a disputa do Campeonato Pernambucano, caso o governo autorize na próxima semana a volta aos jogos.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.