Brasil

Pazuello passa mal no intervalo da CPI; sessão será retomada nesta quinta

Em intervalo na sessão desta quarta-feira (19) da CPI da Covid, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello passou mal no Senado Federal, precisando de auxílio médico. A informação foi confirmada pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) durante entrevista coletiva à imprensa, na qual comunicou também que o ex-chefe da Saúde teve uma crise de síndrome vasovagal.

Pazuello foi atendido pelo senador Otto Alencar (PSD-BA), que é médico. “Acontece com as pessoas muito emocionadas às vezes. Ele estava muito pálido. Deitei ele, elevando os membros inferiores. Ele ficou corado, normal. Não tem nenhum problema. Ele passou muito tempo aí depondo, ficou muito tempo em pé, está emocionado. Essa síndrome acontece muito”, explicou o parlamentar à CNN Brasil. Alencar compõe a chamada “ala independente” da CPI, e tem duras críticas ao governo federal.

“Está bem, ele pode voltar a fazer o depoimento sem nenhum problema”, acrescentou. Apesar disso, Pazuello apareceu para a imprensa deixando o Senado. Pouco depois, foi informado pela TV Senado que a sessão só será retomada nesta quinta-feira às 10h, quando serão ouvidas as manifestações e perguntas de 23 senadores que ainda estão inscritos.

Pazuello tem sido muito pressionado pelos senadores na comissão, sendo chamado de “mentiroso” por diversas vezes.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp