Política

PF adia depoimento de Sergio Moro no inquérito dos atos antidemocráticos

Moro seria ouvido, na condição de testemunha, na superintendência da PF, em Curitiba, nesta sexta (2)

02/10/2020


A Polícia Federal (PF) adiou o depoimento do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro no inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre as manifestações antidemocráticas.

Moro seria ouvido, na condição de testemunha, na superintendência da PF, em Curitiba, na tarde desta sexta-feira (2).

Segundo o site G1, a PF informou a defesa do ex-ministro que o adiamento se deve a questões técnicas e logísticas. O depoimento ainda não foi reagendado.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.