Política

Presidente do PSB diz que interesse da Executiva Nacional do PT em Ricardo é “estranho” e revela que partidos estão rompidos

Siqueira citou é "estranho' o interesse da Executiva Nacional petista em intervir no processo democrático da Capital e comprar uma briga que não é deles

22/09/2020


Na imagem o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira

Revista Nordeste

O presidente nacional do Partido Socialista Brasileiro (PSB), Carlos Siqueira, durante entrevista nesta terça-feira (22), mostrou que tem um posicionamento contrário ao do ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), quanto a aliança da legenda com o Partido dos Trabalhadores (PT) para prefeito de João Pessoa. Siqueira citou que respeita a decisão e a candidatura de Ricardo, mas aponta que é “estranho” o interesse da Executiva Nacional petista em intervir na eleição do diretório municipal e comprar uma briga que não é deles.

“É de se estranhar a decisão do PT, porque o partido já assinou um rompimento com a legenda há algum tempo”, disparou o presidente nacional do PSB.

Carlos Siqueira ao falar sobre o rompimento nacional entre as duas legendas afirmou que isso foi benéfico para o PSB, onde ele não pretende ajudar ou estreitar essa aliança em João Pessoa.

“Não achamos nada ruim [o rompimento], ao contrário, achamos muito bom, porque o fato é que não ter a companhia do PT nesse momento é muito bom”, disparou.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.