Brasil

Projeto “Trilha das Artes”, da Câmara Federal, apresenta Sérgio Lucena com pintura em estado de poesia

Arte do pintor paraibano Sergio Lucena, hoje radicado em São Paulo, é o destaque da nova edição do Trilha das Artes, que acontece a partir do próximo dia 26, às 19h, no projeto desenvolvido na Câmara Federal

23/09/2020


A arte do pintor paraibano Sérgio Lucena, hoje radicado em São Paulo, é o destaque da nova edição do Trilha das Artes, que acontece a partir do próximo dia 26, às 19h, no projeto desenvolvido na Câmara Federal, envolvendo artistas plásticos relevantes do País.

Ao som das suas sugestões musicais, Sérgio comenta a sua trajetória na Pintura e reflete sobre a sua relação com o tempo, as suas motivações internas e a convivência com outros pintores na construção da sua identidade como artista.

MÚSICAS: Nada será como antes, Milton Nascimento | Oração ao tempo, Caetano Veloso | Andar com Fé, Gilberto Gil | O Fururu Loorere, Grupo Ofá, com a participação de Carlinhos Brown.

SOBRE O ARTISTA – Sergio Lucena, 1963, paraibano, estudou Física e Psicologia na Universidade Federal da Paraíba. Dos 17 aos 20 anos de idade, recebeu do artista Flávio Tavares orientação informal em pintura e desenho.

Artista autodidata, ao longo da sua carreira obteve prêmios nos principais salões do país, participou de workshops, intercâmbios e residências em Berlim, Washington DC. e Dinamarca com exposições em galerias e instituições de arte do Brasil e exterior. Em 2012 recebeu o Prêmio Mário Pedrosa, como Artista Contemporâneo de 2011, da Associação Brasileira de Críticos de Arte (ABCA). O artista vive e trabalha em São Paulo – SP.

WWW.SERGIOLUCENA.NET

Produção e Apresentação André Amaro. O programa mistura música, informação e opinião, além de trazer entrevistas com grandes artistas brasileiros.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.