Política

Região Nordeste apresenta maior índice de desaprovação do governo Bolsonaro, aponta pesquisa Fórum

A região Nordeste é apresenta o maior índice de desaprovação do governo Bolsonaro. São aproximadamente 60,5%, contra 39,5%

23/07/2020


Na imagem o presidente Jair Bolsonaro

Revista Fórum

A região Nordeste é apresenta o maior índice de desaprovação do governo Bolsonaro. São aproximadamente 60,5%, contra 39,5% dos nordestinos que aprovam o seu governo. É o que aponta a 4ª Pesquisa Fórum realizada em parceria com Offerwise.

Fazendo um recorte nacional, quando indagado se aprova ou desaprova o governo Bolsonaro, uma parte considerável da população que o avaliavam como regular se desloca para o aprova. São 49,1% que aprovam o governo do presidente, contra 50,9% que desaprovam.

Essa pergunta não vem sendo realizada por outros institutos e alguns jornalistas e analistas políticos têm considerado como aprovação apenas o ótimo e bom. A Pesquisa Fórum revela que isso não se confirma quando o entrevistado é colocado à frente da questão com apenas as opções aprova e desaprova. Ou seja, a base de apoio de Bolsonaro, mesmo uma parte sendo um apoio mais frágil, é ainda maior do que o 1/3 do seu ótimo e bom.

Fazendo um recorte maior por regiões, no Sul, 57% aprovam, no Centro-Oeste, 57,5% e no Norte esse índice bate em 67,8%. As mulheres se mantêm muito mais críticas a Bolsonaro do que os homens. Enquanto 58,4% deles aprova o governo, entre elas esse índice cai para 40,8%.

Em relação à distribuição do aprova ou desaprova pela faixa de renda, hoje a maior rejeição ao governo está entre os que ganham 10 salários mínimos ou mais. São 61,6% contrários, contra 38,4% a favor. Por outro lado, a faixa de renda de 5 a 10 salários mínimos, a classe média remediada, é a que lhe dá maior sustentação, 60,5% aprovam seu governo e 39,5% desaprovam.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.