Nordeste

Rui Costa cobra TRE-BA para evitar aglomerações em convenções partidárias na Bahia

A iniciativa tem como objetivo coibir a contaminação pelo novo coronavírus

14/09/2020


Na imagem o governador da Bahia, Rui Costa

O governador Rui Costa (PT) disse nesta segunda-feira (14), que cobrou do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) possíveis medidas restritivas para evitar aglomerações em atos políticos no interior do estado. A iniciativa tem como objetivo coibir a contaminação pelo novo coronavírus.

“Manifestei minha preocupação com carreatas e eventos realizados no interior e pedi ao Tribunal para que sejam aplicadas as restrições possíveis. Não consigo entender o que se passa na cabeça das pessoas que insistem em fazer aglomerações. Parece que a pandemia acabou. Em pelo menos dez cidades, as convenções pareciam mais um Carnaval”, afirmou Rui durante transmissão nas redes sociais.

O governador defendeu que sejam aplicadas as medidas para evitar “avalanche de casos e mortes”. “Caso isso se repita a partir de 26 de setembro, ficaremos ainda mais preocupados”, sinalizou. Na Bahia, são 282.517 casos confirmados desde o início da pandemia e 5.961 mortes em todo o estado.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.