Brasil

STF atende governador do Maranhão e dá 48 horas para Anvisa explicar detalhadamente decisão sobre a Sputnik V

 O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski, em despacho nesta segunda-feira (10), segundo a CNN Brasil, deu 48 horas para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) dê explicações detalhadas sobre a decisão de barrar a importação ao Brasil da Sputnik V, vacina russa contra a Covid-19.

A agência, segundo o ministro, precisará explicar “pormenorizadamente” quais são os documentos pendentes para que seja possível analisar novamente os pedidos de importação do imunizante.

A determinação de Lewandowski é uma resposta a uma ação apresentada ao STF pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), na última semana. Dino pediu que o Supremo obrigasse a Anvisa a reavaliar novos documentos apresentados à agência sobre a Sputnik V.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp