Internacional

Trump decide pedir recontagem de votos em Wisconsin após virada de Joe Biden; resultado aponta eleição do Democrata

04/11/2020


O diretor de campanha de Donald Trump, Bill Stepien, informou na tarde desta quarta-feira (4) que o republicano irá pedir recontagem dos votos no estado de Wisconsin “imediatamente”. Joe Biden lidera a apuração com ligeira vantagem de votos. Até as 15h de hoje (horário de Brasília), 95% dos votos do estado haviam sido apurados, e o democrata tinha 49,57% contra 48,95% do candidato à reeleição.

“Wisconsin tem sido uma disputa frágil como sempre soubemos que seria. Tem surgido relatos de irregularidades em vários condados de Wisconsin, que levantam sérias dúvidas sobre a validade dos resultados. O presidente está bem dentro do limite para solicitar uma recontagem e faremos isso imediatamente”, afirmou a nota divulgada por Bill Stepien.

Vitória de Biden a vista
Já a campanha de Joe Biden considera já possuir dados que apontam para a vitória do candidato democrata. No entanto, a rede social acrescentou um alerta ao post: “Os votos ainda estão sendo contabilizados. O vencedor das eleições presidenciais de 2020 ainda não foi projetado.”

“Com base em nossos dados, Joe Biden vai: ter mais votos que qualquer outro candidato na história; obter muito mais que 50% dos votos; ganhar em três estados que foram Republicanos em 2016; ter margem maior sobre o adversário em Wisconsin, Pensilvânia e Michigan do que Trump teve em 2016; vencer a eleição”, afirma a postagem.

O post termina com a mensagem “mantenha a fé”.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.