Arquivo Nordeste

18 governadores reagem a Bolsonaro e o acusam de buscar confronto e espalhar fake news

 

247 – Dezoito governadores reagiram, em nota na manhã desta segunda-feira (1), à postagem feita por Jair Bolsonaro nas redes sociais neste final de semana em que ele afirma ter repassado bilhões ao estados ao longo do ano passado.

 

“Em meio a uma pandemia de proporção talvez inédita na história, agravada por uma contundente crise econômica e social, o Governo Federal parece priorizar a criação de confrontos, a construção de imagens maniqueístas e o enfraquecimento da cooperação federativa essencial aos interesses da população”, diz trecho da nota, de acordo com a CNN Brasil. 

 

No texto, os governadores destacam que os valores utilizados por Bolsonaro em sua postagem são repasses obrigatórios, previstos na Constituição, como os Fundos de Participação dos Estados e Municípios (FPE e FPM), Fundeb, SUS e royalties.

 

Os gestores estaduais observam, ainda, que Bolsonaro também incluiu os valores pagos por meio do auxílio emergencial, uma “iniciativa do Congresso Nacional”, além da suspensão de pagamentos de dívidas federais por via judicial antes do início da pandemia. 

Eles também questionam os valores citados por Bolsonaro e cobram explicações sobre “onde foram parar” R$ 642 bilhões em impostos pagos pela população.

“Adotando o padrão de comportamento do Presidente da República, caberia aos Estados esclarecer à população que o total dos impostos federais pagos pelos cidadãos e pelas empresas de todos Estados, em 2020, somou R$ 1,479 trilhão. Se os valores totais, conforme postado hoje, somam R$ 837,4 bilhões, pergunta-se: onde foram parar os outros R$ 642 bilhões que cidadãos de cada cidade e cada Estado brasileiro pagaram à União em 2020?”, perguntam na nota. 


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp