Brasil

ABI condena chacina na Vila Cruzeiro e cobra investigações isentas

Associação Brasileira de Imprensa defende que os responsáveis pelas execuções sejam punidos

247 – A Associação Brasileira de Imprensa divulgou nota, na noite de ontem, em que condena a chacina ocorrida na Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro, que já deixou 22 mortos. A nota também cobra a investigação e a punição dos responsáveis. “Diante desta nova matança, uma repetição do que ocorreu em maio de 2021 na comunidade do Jacarezinho, também na Zona Norte do Rio, torna-se fundamental que órgãos de controle e a própria sociedade procurem descobrir como as chacinas se repetem sem que haja qualquer responsabilização penal de seus autores”, aponta o texto. Confira a íntegra:

Basta de bestialidade!!!!

A Associação Brasileira de Imprensa, por meio de sua Comissão de Defesa da Liberdade de Imprensa e Direitos Humanos, vem manifestar seu protesto diante da forma como as forças de segurança, notadamente a Polícia Militar do Estado e, estranhamente, a Polícia Rodoviária Federal, agiram nesta terça-feira (24/05) em nova operação em favelas, desta vez na Vila Cruzeiro, na Penha. Um confronto que resultou em 22 mortes de civis e diversos feridos, saldo registrado até o momento em que esta nota era redigida.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp