Brasil

Alexandre de Moraes prorroga por 90 dias inquérito contra Bolsonaro

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu prorrogar por mais 90 dias o inquérito que apura a suposta tentativa de Jair Bolslonaro de interferir na Polícia Federal (PF).

 

“Considerando a necessidade de prosseguimento das investigações e a existência de diligências em andamento, nos termos previstos no art. 10 do Código de Processo Penal, prorrogo por mais 90 (noventa) dias, a partir do encerramento do prazo final anterior (27 de outubro), o presente inquérito”, diz trecho do despacho.

 

Na semana passada, Moraes deu prazo de 30 dias para a PF ouvir o depoimento de Bolsonaro. O chefe de governo informou ao STF, por meio da Advocacia-Geral da União, que aceita realizar a oitiva presencialmente.

 

O inquérito foi aberto no ano passado pelo STF, que atendeu a um pedido da Procuradoria Geral da República. De acordo com o ex-ministro Sergio Moro, Bolsonaro queria substituir a chefia da PF em benefício próprio. (Com informações do Metrópoles).


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp