Ceará

Alunos de Fortaleza citam readaptação na volta às aulas presenciais: ‘Só pegar o ritmo que dá certo’

Escolas privadas de Fortaleza podem retomar nesta segunda-feira (2) as aulas presenciais, com até 50% da capacidade da sala.

 

As escolas privadas de Fortaleza podem retomar nesta segunda-feira (2) as aulas presenciais no formato híbrido, com 50% da capacidade das salas de aula. Alunos afirmaram que estavam ansiosos pela possibilidade do retorno presencial, tanto pela indicação de uma melhora na situação da pandemia, como pela vontade de melhorar no desempenho escolar.

 

É o caso do aluno Gabriel Medeiros, de 16 anos, que aguardava para voltar a ter aulas presenciais. Ele disse que era complicado fixar os conteúdos nas aulas remotas e se sente feliz com o retorno presencial

 

“Eu não sei muito o que esperar, porque a gente passou muito tempo on-line. Acho até que a gente deve ter perdido um pouco da noção de como é realmente ter aula presencial. Principalmente depois de tanto tempo. Acho que vai ser menos complicado do que parece, porque é só pegar o ritmo. No começo vai ser mais complicado, mas depois é só pegar o ritmo que dá certo. Acho que eu estou feliz, até, porque finalmente tá podendo ter aula presencial, porque aula on-line era realmente complicado de assistir, fixar o conteúdo, mas eu tô feliz por estar voltando”, disse.

 

Já o aluno Igor Samuel, 16 anos, que retornou para o ensino presencial poucos dias antes de entrar de férias, afirma ter sentido “uma melhora muito grande” no ensino e que seu desempenho estava sendo melhor presencialmente na escola.

 

“Eu estou muito feliz. Eu voltei para o presencial duas semanas antes das férias, que foi quando liberou a primeira vez, e eu senti uma melhora muito grande. Senti que meu desemprenho estava sendo muito melhor no presencial do que no on-line. Estava me esforçando no on-line, mas de fato no presencial é muito melhor. Você aprende com mais facilidade, absorve a matéria, e a interação com os professores e alunos realmente deixa o estudo muito mais motivador, muito mais eficiente do que em casa.”

 

 

Para o diretor Henrique Soares, o retorno das aulas presenciais é como se fosse um novo recomeço. Ele afirma que precisa da ajuda dos pais dos alunos para que as aulas sigam com segurança, deixando em casa aqueles que tiverem contato com familiares que apresentem sintomas gripais.

“Os protocolos são relativamente fáceis pra nós, porque a gente já vem fazendo isso desde setembro de 2020, então a gente aprimorou muito, tem muito cuidado. O que a gente vai precisar nesse momento é do cuidado das famílias. A gente sabe que a variante delta está chegando, a gente sabe que a escola é um espaço seguro, se seguido todos os protocolos, mas a gente precisa que as famílias mantenham seus filhos em casa se tiver alguém com suspeita de síndrome gripal na família”, afirma.

Retorno nas escolas públicas

Nas instituições municipais de Fortaleza, a previsão é de que todos os profissionais da educação devem ser imunizados contra a Covid-19 até o fim do mês de agosto, para o retorno das aulas presenciais em formato híbrido na capital a partir do dia 8 de setembro, conforme informado pelo prefeito Sarto Nogueira.

 

O início das aulas vai acontecer de forma remota para ter um período de sensibilização e capacitação em relação a novos protocolos sanitários. Conforme o prefeito, será feita a busca ativa de alunos que não comparecerem às aulas na capital.

Para auxiliar no retorno às aulas presenciais, A Prefeitura de Fortaleza lançou uma seleção pública com 1.300 vagas para agente escolar. A atividade, segundo o prefeito Sarto Nogueira, terá remuneração de R$ 1.050 e tem como objetivo fazer uma busca ativa dos estudantes para o retorno das aulas presenciais nas escolas municipais.

 

*g1ce


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp