Brasil

Após morte de Bruno e Dom, servidores da Funai anunciam greve e cobram demissão do presidente do órgão

O presidente da Funai, segundo a Indigenistas Associados (INA), “vem promovendo uma gestão anti-indígena e anti-indigenista na instituição”

 

247 – Servidores da Funai (Fundação Nacional do Índio) anunciaram uma greve para quinta-feira (23), a partir das 10h, em todas as unidades dos estados e no Distrito Federal, informa a Folha de S. Paulo.

 

De acordo com a Indigenistas Associados (INA), o objetivo é manifestar “profunda tristeza e indignação pelo assassinato bárbaro” do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips na Amazônia.

 

Os servidores cobrarão a identificação e responsabilização de todos os culpados e exigirão a demissão imediata do presidente da Funai, Marcelo Augusto Xavier da Silva.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp