Brasil

Bancos rebaixam Petrobrás e sugerem a seus clientes que vendam a ação

247 – Bancos e operadoras estão sugerindo aos seus clientes que vendam as ações da Petrobrás, depois do <span;>anúncio de Jair Bolsonaro de que irá trocar o presidente da estatal por um general<span;>, Joaquim de Silva e Luna. O anúncio pegou o mercado de surpresa.

Neste domingo (21), a XP Investimentos rebaixou a recomendação das ações da empresa de neutro para venda em relatório intitulado “Não há mais como defender, rebaixamos para venda”, no qual o preço-alvo foi revisado de R$ 32 para R$ 24 nas ações ordinárias e preferenciais.

“Vemos esse anúncio como uma sinalização negativa, tanto de uma perspectiva de governança, dados os riscos para a independência de gestão da Petrobras, como também por implicar riscos de que a companhia continue a praticar uma política de preços de combustíveis em linha com referências internacionais de preços, ou seja, que reflitam as variações dos preços de petróleo e câmbio”, dizem os analistas Gabriel Francisco e Maíra Maldonado no relatório.

O Bradesco BBI também divulgou relatório neste domingo rebaixando a recomendação dos papéis da Petrobras. A instituição já havia cortado recomendação da companhia para ‘neutra’ no dia 8 de fevereiro, alegando que “o dilema do diesel” estava de volta. Analistas da instituição também citaram, na ocasião, riscos relacionados à situação dos caminhoneiros no Brasil.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp