Política

Bolsonaro entrega obras na Paraíba, critica adversários e passará a noite em João Pessoa

O presidente Jair Bolsonaro inaugurou hoje (5), na Paraíba, uma Unidade Básica de Saúde (UBS) e participou da entrega de um trecho das obras de integração do Rio São Francisco. A unidade básica está localizada no município de Gurinhém, na qual foram investidos R$ 326,4 mil com a expectativa de atender a uma população estimada em 14 mil pessoas.

 

Já o lote 1 da Vertente Litorânea é parte de um sistema adutor com 130 quilômetros (km) que integra as bacias hidrográficas da Paraíba com as águas do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco. Durante o discurso, Bolsonaro associou o acesso à água à liberdade da população que, segundo ele, dependerá cada vez menos de carros-pipas.

 

Ao lado de ministros, deputados, apoiadores, lideranças do Partido Liberal (PL) e seguidores, Bolsonaro destacou a importância da obra a garantir recursos hídricos para região do semiárido. Em discurso, ele fez duras críticas a governos anteriores e também para governadores de Estados pela implantação de medidas restritivas durante a pandemia da Covid-19.

 

“A inauguração dessa nova obra não é virtude de nossa parte, é obrigação, porque o dinheiro vem de vocês [contribuintes] mesmo. E quando se fala em água, entendemos que para o Nordeste, que sofre com o problema da escassez, traz aquilo que se assemelha a uma liberdade. Ninguém mais precisará ficar dependendo de quem quer que seja, para ter água em sua casa. Vamos deixando na história os carros-pipas que fizeram o seu trabalho, ajudaram no passado, mas que tem muito problema político”, frisou.

 

Na sequência do discurso, o presidente criticou severamente os governos de seus antecessores no Palácio do Planalto, com foco nas últimas gestões de Lula, Dilma Roussef, ambos do PT e Michel Temer (MDB). “Pegamos em 2019 um Brasil com graves problemas éticos, morais e econômicos. Um Brasil saqueado por governos anteriores. Só para fazer um comparativo com uma empresa, a Petrobras nos últimos anos foi saqueada em R$ 900 bilhões”, disse.

 

O presidente chegou a João Pessoa por volta das 16h, onde ira permanecer até a manhã desta sexta-feira (6), quando retornará à Brasília. Ele vai passar a noite de hoje no Hotel de Trânsito dos Oficiais do Exército, localizado no 1° Grupamento de Engenharia, na Capital.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp